Principal > Saúde > Nova regra para cesarianas
thinkstockphotos-535989035

Você escolheu o tipo de parto que gostaria de ter? Você e seu médico conversaram sobre isso?

E na hora de agendar a data do parto, você estava segura que seu bebê estava pronto para nascer?

Eu confesso que sempre pensei nisso antes dos meus filhos nascerem, mas fui muito bem orientada pela médica e me senti segura.

Uma nova regra do Conselho Federal de Medicina voltou a chamar atenção das gestantes. A Resolução 2144/2016 já foi publicada e define que a partir de agora as mulheres que quiserem terem bebês por parto cesariana têm que esperar até a 39ª semana de gestação. Antes, os partos aconteciam a partir da 37ª semana.

De acordo com estudos apresentados pelo Conselho, promover partos antes da 39ª semana pode acarretar problemas nos pulmões, fígado e cérebro, provocando desconfortos respiratórios, icterícia e até lesões cerebrais.

A nova resolução diz também que a mulher que optar por parto cesariana devem assinar um termo de consentimento e o assunto deve ser discutido amplamente entre médico e paciente durante o pré-natal. O médico também tem a opção de se negar a realizar o parto se não estiver de acordo.

A discussão em torno do número de cesarianas feitas no Brasil é bem polêmica. É importante que você leia sobre isso, se informe e converse com seu médico.

Lembre-se de que você precisa estar segura de tudo o que está acontecendo com você e com seu bebê, não leve dúvidas para casa!

Um Comentário, RSS

  • Daniele Silva

    fala sobre:
    29 de junho de 2016 at 18:05

    Adorei o assunto sobre cesariana. É muito importante que o médico passe total segurança para suas pacientes. Essa conversa entre o médico e a paciente é fundamental. Tenho dois filhos e ambos nasceram de parto cesariana, já na 39° semana. No meu caso não foi por opção e sim por extrema necessidade. Parabéns Dagma, por mais um ótimo assunto abordado!

O seu email não será publicado. Campos requeridos estão marcados com *

*